Professor brasileiro é finalista do “Nobel da Educação”

Marcio Andrade Batista é doutorando na Universidade Federal de Mato Grosso e dá aulas como voluntário

Professor Marcio de Andrade Batista é o único brasileiro entre os 50 finalistas do Global Teacher Prize, considerado o Prêmio Nobel da Educação. Segundo a organização do prêmio, Batista foi escolhido entre milhares de candidatos de 148 países. Apenas 29 nações estão representadas entre os finalistas.
O vencedor será anunciado em março do ano que vem, em Dubai, e receberá US$ 1 milhão.

Engenheiro químico e professor da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), Batista recebeu a indicação pelo trabalho que faz em escolas do ensino médio público.

Ele orienta projetos sugeridos pelos próprios estudantes. A ideia é que os alunos desenvolvam interesse pela ciência desde o ensino básico. “Sempre tive como meta mostrar que ser cientista é tão legal quanto ser jogador de futebol ou outra profissão que os alunos admiram.



 Queria inserir a ciência dentro do rol de interesses dos alunos”, afirmou à Agência Brasil .
A intenção é mostrar o importante papel que os professores desempenham, reconhecendo um educador excepcional, que tenha feito um excelente trabalho em sua região.

Fonte: Terra

Deixe uma resposta