‘Vaquinha virtual’ para viagens de Dilma alcança R$ 268 mil em um dia

Ideia das petistas para criação da campanha ocorreu depois que o presidente interino, Michel Temer, limitou o uso de aviões da FAB para Dilma Rousseff.

A “vaquinha virtual” organizada por duas amigas da presidente afastada Dilma Rousseff arrecadou mais de R$ 268 mil em 23 horas para custear as viagens pelo Brasil da petista. Pouco mais de 3.697 pessoas já doaram para a campanha na internet.

Vaquinha

O programa de financiamento coletivo em uma plataforma digital foi lançada nesta quarta-feira (29/6). Até a manhã desta quinta (30), 53% da meta inicial de R$ 500 mil já foi alcançado.

“Achamos importante abrir uma conta onde as pessoas pudessem fazer doações e haver disponibilidade de recursos que a presidenta pudesse usar para as suas viagens,” diz Guiomar Lopes, amiga de Dilma Rousseff desde Regime Militar.

A decisão para criação da ‘vaquinha virtual’ ocorreu depois que o presidente interino, Michel Temer, limitou o uso de aviões da FAB por Dilma Rousseff apenas para deslocamentos de Brasília a Porto Alegre (RS), onde mora a família da presidenta afastada.

Esta semana, no entanto, a Justiça Federal do Rio Grande do Sul autorizou Dilma Rousseff a usar as aeronaves da FAB em viagens pelo país, desde que os custos sejam ressarcidos por ela ou pelo Partido dos Trabalhadores.

Leia também:

Gleisi pede para Janaína ficar calada; advogada diz: “não me calo”

Prazo para receber abono salarial de 2015 termina amanhã

Jair Bolsonaro pode ser cassado por apologia a tortura

Comentários da redação

Essa é uma grande polemica que só vai ter fim quando Dilma for deposta de vez, enquanto o julgamento do impeachment não sai, vamos ver esses parasitas destruidores do país reclamando direitos, porque os deveres estão longe dos olhos dessa gente, que se sumissem do mapa não ia fazer falta para ninguém, porque ela agora não pede um avião emprestado do seus amigos Evo Morales, Nícolas Maduro, ou para os amiguinhos de Cuba, entre tantos que ajudou com nosso dinheiro.

Se estamos numa crise, devemos agradecer a Dilma, Lula eo PT, se temos 11 milhões de desempregados e porque o nosso dinheiro não foi empregado em obras aqui, para melhorar nossos portos, nossas estradas, nossas ferrovias, onde se emprega muita gente, mas sim empregar cubanos, bolivianos, venezuelanos, argentinos, angolanos e o raio que os parta.

Miguel Romeiro

Fonte: Correios 24 horas 

Deixe uma resposta